× Modal
< Voltar


Cassi

SOLUÇÃO DA CASSI DEPENDE DE RECURSOS FINANCEIROS

ANABB solicitou retomada urgente das negociações com o patrocinador durante apresentação dos resultados do primeiro semestre da CASSI


Em 25.07.2019 às 12:17 Compartilhe:

Os resultados do primeiro semestre de 2019 da CASSI foram apresentados à Diretoria da ANABB e às entidades representativas dos funcionários do BB, nesta quarta-feira (24), em reunião com Presidente Dênis Corrêa e Diretores da Caixa de Assistência. Além de mostrar as ações de melhoria do fluxo de caixa, o Presidente da CASSI também esclareceu pontos importantes sobre o processo de direção fiscal instaurado pela Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) no dia 22 de julho.

Após a apresentação, a Diretoria da ANABB reforçou a reabertura urgente das negociações com o patrocinador, pois entendeu que somente com a injeção de recursos financeiros será possível equacionar os problemas da CASSI e buscar a sustentabilidade. “Embora os resultados apresentados pela CASSI no primeiro semestre sejam positivos, vale ressaltar que parte é decorrente da reversão de provisões. Sem novos recursos a situação econômico-financeira da Cassi deve se agravar ainda mais em 2020, pois o memorando de entendimentos que aloca R$ 50 milhões/mês se encerra no final de 2019”, enfatizou o Presidente da ANABB, Reinaldo Fujimoto.

A ANABB já encaminhou pedido de reabertura da Mesa de Negociação ao Presidente do Banco do Brasil e já acionou parlamentares que são ligados ao BB e lideranças para intermediarem esse pedido. Na reunião com a governança da CASSI, a Entidade reforçou que é importante que os indicados do Banco também intercedam para que essas negociações recomecem ainda neste ano.

Além da ANABB, participaram, desse encontro na CASSI, representantes das entidades que compõem a Mesa de Negociação – AAFBB, ANABB, CONTEC, CONTRAF e FAABB.

DIREÇÃO FISCAL

O Presidente Dênis Corrêa esclareceu dúvidas sobre a direção fiscal e explicou que a Diretora nomeada, Maria Socorro Oliveira Barbosa, já iniciou os trabalhos e dentro de 15 dias deve fazer o primeiro reporte à Agência Nacional de Saúde Suplementar. O Presidente relatou ainda que convidou a Diretora Fiscal para participar dessa reunião, mas que ela agradeceu o convite e informou que só se reporta diretamente à ANS. 

CASSI apresenta resultados a entidades representativas dos associados

Fonte: Agência ANABB