× Modal
< Voltar


Cassi

Proposta Cassi: ANABB reafirma o voto SIM

Confira nota de esclarecimento da Diretoria Executiva


Em 22.05.2019 às 11:28 Compartilhe:

A Diretoria Executiva da ANABB vem, por meio desta Nota de Esclarecimento, REAFIRMAR O SEU POSICIONAMENTO PELO VOTO SIM na atual proposta que altera o custeio e o estatuto da Caixa de Assistência.

Tendo participado ativamente da Mesa de Negociação, a Diretoria da ANABB entende que o momento da Cassi é grave, sendo necessário que todos os envolvidos envidem esforços na busca pela sustentabilidade e perenidade financeira da Caixa de Assistência.

A ANABB, no papel de entidade representativa que defende direitos de funcionários da ativa e aposentados do BB, sente-se no dever de esclarecer, de forma ética e transparente e embasada em argumentos técnicos, que as mudanças que estão sendo propostas são fundamentais considerando que:

  • A CASSI ESTÁ EM DESEQUILIBRIO FINANCEIRO, tendo registrado, em 2018, déficit de R$ 378 milhões e insuficiência na margem de solvência de R$ 810 milhões negativos.
  • A CASSI ESTÁ SENDO SUPERVISIONADA PELA ANS e a qualquer momento pode ser instaurado o Regime de Direção Fiscal.
  • A PROPOSTA ATUAL FOI CONSTRUÍDA PELAS ENTIDADES E PATROCINADOR e busca implementar as medidas necessárias para o equilíbrio financeiro e atuarial da Caixa de Assistência, com a contrapartida do patrocinador e dos associados, tendo cada um cedido em pontos divergentes e mantido premissas que consideram fundamentais para alcançar o equilíbrio no custeio.

Diante desse cenário, a Diretoria da ANABB entende que a proposta ora apresentada representa a melhor alternativa para a Cassi, com base nos seguintes argumentos:

  • A proposta construída em Mesa de Negociação recupera LIQUIDEZ, RESERVAS, MARGEM DE SOLVÊNCIA e demais ÍNDICES FINANCEIROS da Cassi.
  • O NOVO MODELO DE CUSTEIO assegura solvência até 2023 para a Cassi.
  • Serão feitos APORTES PELOS BANCO DO BRASIL E PELOS ASSOCIADOS, com a entrada imediata de recursos e injeção de mais R$ 9 bilhões nos próximos 3 anos.
  • As CONTRIBUIÇÕES SERÃO MANTIDAS no atual patamar (4% para associados e 4,5% para o BB), mesmo após 2022.
  • Na GOVERNANÇA, foram inseridas alterações que buscam a MELHORIA E AGILIDADE DOS PROCESSOS DECISÓRIOS.
  • A reforma do Estatuto NÃO ALTERA O BENEFÍCIO DEFINIDO (BD).

Em defesa de uma Cassi forte e que possa continuar oferecendo assistência à saúde para todos os associados e familiares, a ANABB orienta o VOTO SIM  no processo de consulta para votação do novo Estatuto. Devemos nos unir para mantê-la cuidando da saúde de nossas vidas.

O MOMENTO É DE REFLEXÃO E DECISÃO!

Diretoria Executiva da ANABB

Fonte: Agência ANABB