× Modal
< Voltar


Cassi

Vídeo - Estatuto mantém benefício definido do BB para a Cassi

O momento é de reflexão e decisão. SIM! Somos todos Cassi!


Em 17.05.2019 às 09:20 Compartilhe:

Diferentemente do que está sendo divulgado nas redes sociais, a nova proposta de Estatuto, mantém o patrocínio do BB como benefício definido, nos termos da resolução CVM 695/12 e do CPC 33.  De acordo com o CPC 33, existem duas formas de benefícios aos pós laborais, o benefício definido (BD) e a contribuição definida (CD). No benefício definido, o empregador assume os riscos de investimento e atuariais, de modo que sua obrigação de pagamento não possui valor exato, como na contribuição definida. No caso da Cassi, o Banco faz a sua contribuição corrente de 4,5% para os aposentados e calcula, permanentemente, qual o valor que deve provisionar para custear a contribuição futura (4,5%) do colega por toda a vida. O valor provisionado correspondente a 4,5% e é feito com base em premissas atuariais (tábua atuarial, taxa de juros, evolução salarial e composição familiar). Se os aposentados vivem mais, o BB vai ajustando sua provisão continuamente. Esse é o risco do benefício definido assumido pelo Banco com os aposentados. Por isso, não há possibilidade de o patrocínio do BB, para os que estão na ativa e aposentados, se tornar uma contribuição definida, pois o BB assumiu o risco atuarial do seu patrocínio. Os que ainda vão entrar no Banco, ao se aposentarem,  serão autopatrocinados, ou seja, não haverá patrocínio do BB, nem como benefício definido, nem como contribuição definida.
O momento é de reflexão e decisão.
SIM! Somos todos Cassi!

Fonte: Agência ANABB