× Modal
< Voltar


Assuntos diversos

Proposta Cassi: Por que a ANABB defende o SIM

O momento é de reflexão e decisão. SIM! Somos todos Cassi!


Em 17.05.2019 às 09:15 Compartilhe:

Porque a proposta mudou. É outra proposta, construída pelas entidades e pelo patrocinador, resultante de discussões e simulações financeiras e atuariais.  O Banco recuou, a pedido das entidades, em relação ao estatuto rejeitado pelo corpo social. O Estatuto que vai à consulta reflete estritamente o que foi negociado e revisado pelos jurídicos das entidades. O Estatuto é nossa garantia de direitos. O associado será tratado como associado, não mais como beneficiário. Não haverá voto de minerva no Deliberativo e a presidência do CD continuará a ser exercida por um eleito.  Não há previsão de criação de novos planos pelo patrocinador. A contribuição por dependente, antes com base no VRD, passa a ser um percentual do salário/benefício. O reajuste fica atrelado ao reajuste salarial/benefício e não mais à sinistralidade e cálculo atuarial que poderia superar 12% ao ano. Com isso, haverá previsibilidade de gastos.O voto de decisão na diretoria contempla itens que já são de alçada da diretoria. São itens de natureza operacional e administrativa, nada de estratégico.  A estrutura organizacional foi proposta pelas entidades e as áreas de tecnologia e atuarial foram fortalecidas.
O momento é de reflexão e decisão.
SIM! Somos todos Cassi!

Fonte: Agência ANABB