× Modal
< Voltar


ANABB

Sustentabilidade da Cassi é tema de debate na ANABB

As discussões foram realizadas durante encontro com os diretores regionais da ANABB


Em 27.03.2019 às 16:06 Compartilhe:

O presidente da ANABB, Reinaldo Fujimoto, o presidente da Cassi, Luís Aniceto Silva Cavicchioli, e o diretor de Gestão de Pessoas do Banco do Brasil, José Avelar, estiveram juntos na reunião anual dos Diretores Regionais da ANABB, e debateram, entre outros assuntos, a situação atual da Cassi e o papel de cada uma das instituições nas negociações para a sustentabilidade da Caixa de Assistência.

O presidente da Cassi apresentou, brevemente, os resultados de 2018, que serão divulgados pela Caixa de Assistência. “Hoje, nosso índice de eficiência já está no patamar de ineficiência, pois perdemos a nossa capacidade de evoluir e reinvestir por falta de recursos. Há um descasamento entre as nossas despesas e receitas. Mais de 50% das nossas despesas estão concentradas nas internações hospitalares, exames e insumos. Se conseguirmos trabalhar na prevenção, na atenção primária à saúde, reduziremos as internações, que, como disse, é a nossa maior despesa hoje”, disse Luisinho.


Questionado sobre o seu papel como presidente da Cassi nas negociações, Luisinho esclareceu que: “em nenhum momento o Banco do Brasil encomendou algo, por ter sido indicado pela instituição. O trabalho que estamos fazendo é para que as pessoas tenham mais qualidade de vida. A Cassi existe para isso e tem como missão cuidar de nós e da nossa família. Percebo que para algumas coisas confiamos no banco e para outras não”, completou o presidente da Caixa de Assistência.


O diretor do BB, José Avelar, como não participa diretamente das negociações, falou, de maneira breve, sobre o processo negocial. “Existe uma mesa de negociação posta e sei que o Banco está trabalhando em busca de uma solução negociada, acordada e que esteja madura para que possa ser apresentada ao corpo social”, disse.


Em relação a atuação das entidades nas negociações, o presidente da ANABB, Reinaldo Fujimoto, que integra a Mesa de Negociação, ressaltou que todas estão empenhadas em busca de uma solução rápida e benéfica para os participantes da Cassi. “Nós, das entidades, estamos com todos os nossos esforços concentrados para chegarmos a uma proposta consensual e que seja capaz de garantir a sustentabilidade do plano pelo máximo de tempo possível, sem a retirada de direitos dos associados”, enfatizou Fujimoto.

As negociações estão em processo permanente e uma nova rodada está marcada para esta quarta-feira, 27/03, no Rio de Janeiro, nas dependências do Banco do Brasil.

 

E/D: Diretor de Gestão de Pessoas do BB, José Avelar, presidente da Cassi, Luís Aniceto Silva Cavicchioli e o presidente da ANABB, Reinaldo Fujimoto, na mesa durante das discussões  

Fonte: Agência ANABB