× Modal
< Voltar


Cassi

Cassi alerta que aposentados pelo INSS devem regularizar situação

Para saber como regularizar a situação, os associados devem acessar a área logada do site da Caixa de Assistência


Em 11.12.2018 às 19:09 Compartilhe:

A Cassi divulgou nota em que alerta sobre a necessidade de regularização da situação de quase 2 mil participantes do Plano de Associados. Esse grupo corre risco de ter suspenso seus benefícios de saúde e os de seus dependentes, porque são aposentados pelo INSS, recebem complemento de aposentadoria pela Previ e não pagam à Caixa de Assistência contribuição sobre o valor recebido da Previdência Social.

Estes associados foram identificados e contatados pela Cassi ao longo de 2018. Do total de 3,7 mil que estavam nessa situação, somente 1,9 mil providenciaram a regularização. A exigência de contribuição sobre a aposentadoria recebida pelo INSS está prevista no Regulamento do Plano de Associados (RPA), artigo 47, e no Estatuto Social da Cassi. O descumprimento prevê pena de suspensão do uso do Plano até que a situação seja equacionada. Ou seja, é necessário que o usuário informe a condição de aposentadoria e pague a contribuição devida retroativamente à data do início do benefício.

Para saber como regularizar a situação, os associados devem acessar a área logada do site da Cassi (www.cassi.com.br), escolhendo a opção “Contribuição INSS”. Dentre os documentos a serem apresentados estão a Carta de Concessão de Aposentadoria/Pensão emitida pela Previdência e o espelho do último recebimento do benefício. As Unidades Cassi também podem auxiliar neste processo.

Importante destacar que a Cassi realiza sistematicamente o acompanhamento de informações sobre a situação de seus associados perante o INSS, para evitar a evasão de receitas devidas à Caixa de Assistência. No entanto, é responsabilidade dos associados informar à Caixa de Assistência o início do recebimento do benefício pelo INSS, enviando os documentos comprobatórios quando o pagamento da aposentadoria pela Previdência Social não transita pela Previ (pessoas que optaram por receber em outra conta).

Os associados que já recebem benefício de complemento de aposentadoria da Previ e que ainda não estão aposentados pelo INSS devem declarar essa condição à Cassi (de não aposentado pela Previdência Social).

Fonte: Agência ANABB