× Modal
< Voltar


Cassi

Entidades se reúnem com a Cassi para debater nova proposta

As entidades constituíram Grupo de Trabalho, junto com a Caixa de Assistência, que já iniciou suas atividades


Em 13.11.2018 às 17:19 Compartilhe:

Nesta segunda-feira, 12/11, as entidades que compõem a Mesa de Negociação (ANABB, AAFBB, CONTEC, CONTRAF e FAABB) participaram de reunião com representantes da Cassi para discussão e elaboração de uma proposta conjunta, tendo em vista as dificuldades enfrentadas pela Caixa de Assistência. O Banco do Brasil também foi convidado, mas não enviou representante.

Representando a ANABB, participaram o presidente, Reinaldo Fujimoto; a vice-presidente Administrativa e Financeira, Graça Machado; e o vice-presidente de Relações Funcionais, Haroldo Vieira.

Como já foi amplamente divulgado, após os associados terem recusado a proposta do Banco do Brasil de reforma estatutária, as entidades iniciaram um novo processo de trabalho, desta vez pedindo ao patrocinador e à Cassi a reabertura das negociações para a construção em conjunto de uma nova proposta.

Durante a reunião, o presidente da ANABB lembrou que, "desde o início das negociações, a ANABB mostrou disposição em encontrar solução financeira para a Cassi", disse Fuji.

Graça Machado, por sua vez, destacou a necessidade de se iniciarem as novas discussões de “corpo aberto”. Também frisou que a construção da solução passa por duas vertentes. “A primeira é aprovar o equilíbrio financeiro da Cassi com a finalidade de resolver o déficit e afastar o fantasma da intervenção da ANS. A segunda é a Reforma Estatutária, em que será possível promover uma ampla discussão, tendo em vista que a aprovação de qualquer reforma do estatuto passa por um quórum qualificado. Na última reforma, em 2007, foram necessárias quatro votações, mesmo com todas as entidades apoiando”, disse a vice-presidente.

Já o vice-presidente de Relações Funcionais, Haroldo Vieira, ressaltou que “a ANABB está com firme propósito de construir uma solução para a Cassi, que deve abordar, de forma urgente, o custeio e, logo na sequência, outros pontos do estatuto". O vice-presidente defendeu, também, a necessidade de participação do patrocinador nas negociações.

Ao lado da Cassi, as entidades constituíram um Grupo de Trabalho, que já iniciou suas atividades nesta terça-feira, 13/11.

A ANABB reforça aos associados que continua firme na defesa dos direitos da Cassi para se chegar a um resultado justo e manterá os associados informados sobre as próximas ações.

VEJA TAMBÉM:

BANCO DO BRASIL REJEITA NOVA PROPOSTA PARA A CASSI E NEGA REABERTURA DAS NEGOCIAÇÕES

Fonte: Agência ANABB