× Modal
< Voltar


Cassi

ANABB reafirma sua análise sobre alterações no Estatuto da Cassi

A Associação indica voto "NÃO" por entender que o texto proposto retira direitos


Em 26.09.2018 às 17:01 Compartilhe:

Diante das várias tentativas da Cassi de desqualificar o trabalho da ANABB, a Associação se vê na obrigação de prestar informações adicionais aos associados.

A Cassi está publicando em seu site, com repetida ênfase, que a ANABB está fazendo uma interpretação incorreta da redação proposta.

No entanto, o que parece é que o objetivo dos dirigentes e funcionários da Cassi, ao publicar certas notícias, é depreciar o trabalho da Associação.

A ANABB reitera a análise técnica que assumiu diante da proposta de reforma do Estatuto, que é defendida pela Diretoria da Cassi. A Associação é contrária ao Estatuto proposto por entender que ele retira direitos, traz prejuízos aos associados e foi feito sem a devida discussão com as partes envolvidas.  

A Associação reforça, ainda, que o encarte Estatuto da Cassi – Vote Não e os vídeos foram construídos, dentro da ANABB, após minuciosa análise do Estatuto proposto, inclusive sob o aspecto jurídico e contou com o auxílio de escritórios de advocacia externos.

Não é demais lembrar que os próprios documentos e textos divulgados fazem remissão ou se fundamentam na Resolução CGPAR nº 23/2018, cuja constitucionalidade está sendo questionada pela ANABB na justiça e no Congresso Nacional. 

Em defesa dos anseios legítimos dos funcionários da ativa e aposentados do Banco do Brasil, desde 1986, e no exercício regular do direito de manifestação previsto na Constituição Federal, a ANABB refuta as informações tidas como inverídicas pela Cassi e ratifica, integralmente, o conteúdo apresentado nos materiais de divulgação, indicando o voto NÃO à consulta da reforma estatutária da Cassi.

ENTENDA POR QUE A ANABB VOTA NÃO 

Fonte: Agência ANABB