× Modal
< Voltar


ANABB

Prazo para participar da nova Ação Coletiva termina em abril

Associados interessados devem enviar documentação para que chegue na ANABB até o dia 29/04


Em 08.04.2016 às 00:00 Compartilhe:


Os associados que desejam participar da Ação Coletiva de FGTS devem ficar atentos ao prazo. Está chegando a hora de a ANABB ajuizar a Ação Coletiva de FGTS que visa corrigir, de forma justa, os índices econômicos aplicados às contas vinculadas ao FGTS desde 1999. O prazo para o recebimento da documentação na ANABB expira em 29 de abril. Até o momento a Associação recebeu 5.087 Kits (com documentações de associados para ingressar na Ação), e cadastrou em sistema 2.600 participantes.

Para fazer download do kit para a ação coletiva pelo site da ANABB (www.anabb.org.br), acesse a aba “Ações Judiciais” e, em seguida, o link “Ações Coletivas”

Confira abaixo os detalhes da Ação e informações de como participar

O QUE É A AÇÃO?
O Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) perdeu valor durante os últimos 16 anos. Isso porque a Caixa Econômica Federal (CEF) utiliza a Taxa Referencial para atualizar os valores do FGTS, mas essa taxa não tem refletido nem mesmo a inflação desde janeiro de 1999. Entre setembro de 2012 e julho de 2013, a taxa foi zerada. Com isso, o prejuízo aos trabalhadores foi muito grande. Apesar de não ser possível dar garantias de vitória, como em qualquer ação judicial, as expectativas de êxito são boas, pois a tese jurídica tem muito fundamento.

QUEM PODE PARTICIPAR?
Se você é associado da ANABB e teve saldos no FGTS a partir de 1999 e está em dia com as mensalidades da Associação, pode participar da ação coletiva. Pensionistas e herdeiros do sócio que tenha sido titular de conta vinculada ao FGTS também podem participar, caso sejam sócios da ANABB. Os associados podem ampliar o benefício para parentes em até quarto grau de parentesco, desde que se tornem associados.

COMO TIRAR O EXTRATO DO FGTS?
Para obter o extrato analítico do Fundo de Garantia e saber quanto foi aplicado em sua conta, siga os seguintes passos:

  • Tenha em mãos a identidade, o CPF e o número do PIS.
  • Ligue para 0800 726 0207 e escolha a opção 3 (FGTS).
  • Solicite ao atendente que gere o extrato completo (analítico) de seu FGTS.
  • Aguarde o prazo de 5 dias e dirija-se a qualquer agência da CEF. Seu extrato já estarápronto para impressão.
  • Os extratos também podem ser impressos no site www.caixa.gov.br/fgts.

QUAIS OS DOCUMENTOS NECESSÁRIOS PARA PARTICIPAR DA AÇÃO?

  • Os documentos necessários para aderir à ação são os seguintes:
  • Autorização (Ação Judicial Coletiva de FGTS TR).
  • Procuração.
  • Contrato de Prestação de Serviços Advocatícios.
  • Autorização de Débito e Ciência.
  • Cópia dos documentos pessoais.

Você pode fazer download do kit para a ação coletiva pelo site da ANABB (www.anabb.org.br). Acesse a aba “Ações Judiciais” e, em seguida, o link “Ações Coletivas”

ATÉ QUANDO POSSO PARTICIPAR?
Fique ligado! A ANABB fixou o prazo de até 29 de abril para receber a documentação dos associados que queiram participar da ação.

Fonte: Agência ANABB