× Modal
< Voltar


Previ

Eleições Previ: chapas podem ser inscritas até 29 de fevereiro

As inscrições poderão ser feitas de 12 a 29 de fevereiro/2016


Em 01.02.2016 às 00:00 Compartilhe:

 

O período de inscrição das chapas que concorrerão às eleições da Previ vai de 12/2 até às 18h do dia 29/2, horário de Brasília. As eleições estão marcadas para o período de 13 a 27/5, quando será realizado o processo de consulta aos participantes e assistidos dos planos de benefícios administrados pela Previ. Na ocasião, serão votados os novos conselheiros deliberativos, fiscais e consultivos, além do diretor de Seguridade.

 

A Caixa de Previdência também fixou o número de eleitores e quórum para essas eleições. O número total de participantes e assistidos, maiores de 18 anos, inscritos nos planos de benefícios até o dia 31 de janeiro de 2016, com direito a voto, é de 204.197. Portanto, o quórum, segundo o Regulamento de Consultas aos Participantes e Assistidos da Previ, é de 102.099.

Dessa forma, o número mínimo de assinaturas na relação de apoio a ser apresentada pelas chapas será de 1.021 pessoas.

Os seguintes cargos serão eleitos para mandatos de quatro anos, de 1/6/2016 a 31/5/2020:

- Conselho Deliberativo: dois titulares e dois suplentes;
- Conselho Fiscal: um titular e um suplente;
- Diretoria Executiva: Diretor de Seguridade;
- Conselho Consultivo do Plano 1: um titular e um suplente;
- Conselho Consultivo do PREVI Futuro: um titular e um suplente.

As chapas poderão ser inscritas no período de 12 a 29/2, até às 18h (horário de Brasília). As chapas devem conter candidatos para todos os cargos e suplentes. Confira os pré-requisitos para cada cargo:

Conselheiro Deliberativo, Conselheiro Fiscal e Diretor de Seguridade:
- Ser participante ou assistido da PREVI;
- Contar com, no mínimo, 25 anos de idade;
- Ter dez anos, no mínimo, de filiação a um dos Planos de Benefícios da PREVI;
- Ter comprovada experiência no exercício de atividade na área financeira, administrativa, contábil, jurídica, de fiscalização, atuarial ou de auditoria;
- Não ter sofrido condenação criminal transitada em julgado;
- Não ter sofrido penalidade administrativa por infração da legislação da seguridade social, inclusive da previdência complementar ou como servidor público;
O cargo de Diretor de Seguridade exige ainda formação de nível superior.

Conselheiro Consultivo:
- Ser participante ou assistido da PREVI e do respectivo plano de benefícios há pelo menos três anos consecutivos;
- Contar com, no mínimo, 21 anos de idade;
- Ter comprovada experiência no exercício de atividade na área financeira, administrativa, contábil, jurídica, de fiscalização, atuarial ou de auditoria;
- Não ter sofrido condenação criminal transitada em julgado;
- Não ter sofrido penalidade administrativa por infração da legislação da seguridade social, inclusive da previdência complementar ou como servidor público.

Comissão Eleitoral
A Comissão que coordenará e executará a realização das eleições é composta por cinco membros e suplentes, foi indicada pela Diretoria Executiva e homologada pelo Conselho Deliberativo.

Marcelo Coelho de Souza – suplente: Marcio de Oliveira Gottardo
Rodrigo Boschini – suplente: Marcos Oscar Tisser
Ricardo Serone Ribeiro Miranda – suplente: Adilson Prudente da Silva
Marcus Vinicius Santa Cruz Pereira – Victor Luís de Almeida Vohryzek
Mauricio de Paiva Bastos – suplente: Luiz Cláudio da Conceição Marins

Veja mais detalhes nos documentos das eleições:

Regulamento de Consultas aos Participantes e Assistidos

Cronograma Eleições

Edital de Convocação das Eleições 2016

Anexos do Edital

Fonte: Previ