× Modal
< Voltar


Assuntos diversos

ANABB promove debate com candidatos ao Caref

Cerca de 800 pessoas de todo o Brasil acompanharam a transmissão do evento pela internet


Em 25.02.2015 às 00:00 Compartilhe:


A ANABB promoveu nesta quarta-feira, 25 de fevereiro, debate entre os dois candidatos que concorrem ao segundo turno das eleições para o cargo de representante dos funcionários no Conselho de Administração do Banco do Brasil. Rafael Matos e Juliana Publio participaram do evento na sede da Associação em Brasília (DF). O mediador do debate foi o presidente da Entidade Sergio Riede.

Cerca de 800 pessoas de todo o Brasil acompanharam a transmissão ao vivo do evento pela internet. O objetivo do debate foi fomentar as discussões sobre a importância do Caref e sua atuação junto aos funcionários da ativa e ao Banco do Brasil. 

Os jovens candidatos responderam perguntas formuladas pela ANABB, pelos associados e pelo adversário sobre temas de interesse do funcionalismo.

Na abertura do evento, o presidente da ANABB ressaltou que a iniciativa cumpre um compromisso firmado pela nova gestão no início do mandato. “Desde 2012, em todos os pleitos de entidades do BB, a ANABB não apoia chapas ou candidatos institucionalmente, mas defende o debate democrático, possibilitando que os funcionários possam fazer uma escolha qualificada”, disse Riede.  

Logo em seguida, o assessor parlamentar da ANABB, Ricardo Saboya, fez um breve panorama sobre a legislação que regulamenta a atuação do conselheiro de administração representante dos funcionários nas empresas estatais.

O debate foi bastante produtivo, pois suscitou assuntos relevantes sobre o dia a dia do BB, tais como reestruturações internas, teto de contribuição para estatutários, aumento das contribuições na Cassi, política de equidade de gênero,  e atuação do BB como banco público. Além disso, os candidatos demonstraram muita disposição para discutir todos os assuntos, fizeram contraponto de ideias, apresentaram opiniões divergentes e, no geral, se colocaram em favor da defesa dos funcionários.

Rafael Matos, que é o atual Caref e concorre à reeleição, disse que tentou fazer um mandato coletivo e mais próximo dos funcionários. “Busquei levar os problemas dos funcionários para a direção do Banco e acho que precisamos ter o apoio das entidades sindicais nessa discussão. Esse é um ano desafiador e precisamos do engajamento dos funcionários nas causas ligadas a função pública do Banco e ao lado social”, disse Rafael.

Já Juliana Publio defendeu que a participação dos bancos públicos não é importante apenas para os funcionários e sim para toda a sociedade. “Os bancos públicos não devem ser dos grandes grupos brasileiros. O governo Dilma vai aumentar o peso do BB no mercado. Nossa luta não será apenas contra a direção do Banco, mas também contra o governo. Por isso, precisamos de alguém que tenham independência em relação a eles”, finalizou Juliana.  



Fonte: Agência ANABB