× Modal
< Voltar


Assuntos diversos

Manifesto dos maiores fundos de pensão do país repercute na Previ

Caixa de Previdência se posiciona sobre manifesto de dirigentes divulgado em matéria do Correio Braziliense


Em 18.11.2014 às 00:00 Compartilhe:


O jornal Correio Braziliense publicou na última sexta-feira, 14 de novembro, matéria intitulada Revolta nos Fundos. A publicação mostra que durante o 35º Congresso dos Fundos de Pensão, realizado em São Paulo, diretores e conselheiros eleitos pelos participantes dos maiores fundos de pensão do país divulgaram manifesto para externar preocupações relacionadas ao uso político das fundações. O temor dos participantes é de que as intervenções do governo reduzam a rentabilidade dos fundos de pensão e o patrimônio dos trabalhadores não seja suficiente para os pagamentos dos benefícios.

O documento foi assinado pelos dirigentes eleitos pelos participantes da Previ (Banco do Brasil), da Petros (Petrobras) e da Funcef (Caixa Econômica). Os participantes da Previ que assinaram o manifesto foram os diretores Cecília Garcez e Décio Bottechia Júnior e os conselheiros Antonio José de Carvalho, Ari Zanella, José Bernardo de Medeiros Neto e Williams Francisco da Silva.

A matéria repercutiu negativamente na Previ. A Entidade se posicionou sobre o manifesto dos dirigentes e encaminhou resposta ao Correio Braziliense em que repudia acusações de ingerência política na sua gestão.

Confira a matéria do Correio Braziliense.

Confira o posicionamento da Previ.

Fonte: Agência ANABB