× Modal
< Voltar


Previ

Previ divulga resultados de 2013

O patrimônio do fundo cresceu R$ 3,5 bilhões, somando R$ 170,8 bilhões


Em 26.02.2014 às 00:00 Compartilhe:

 

Nesta segunda-feira, 24 de fevereiro, a Previ divulgou o balanço anual de 2013. O plano teve rentabilidade total de 7,19%, abaixo da meta atuarial, que foi de 10,84%. O Plano 1 apresentou retorno de 6,36% em renda variável, e em renda fixa o retorno foi de 8,07%. O patrimônio do fundo cresceu R$ 3,5 bilhões, somando R$ 170,8 bilhões. O superávit fechou em R$ 24,76 bilhões.

Durante o ano, foram pagos em aposentadorias, pensões e benefícios especiais como o Benefício Especial Temporário (BET), para os participantes do Plano 1, R$ 9,2 bilhões. No Previ Futuro, 92,6% dos funcionários do Banco do Brasil recém-empossados aderiram ao plano. A taxa de filiação alcançou o índice médio de 94%.

Para o presidente da Previ, Dan Conrado, apesar dos diversos fatores ruins para a economia, como a bolsa de valores em queda, a alta da inflação e os juros básicos em ascensão, entre outras questões conjunturais, a Caixa de Previdência ainda tem o que comemorar. “Comparando a Previ com os outros fundos de pensão e com o próprio mercado, o resultado foi bom. Mesmo em um ano de crise, tivemos um desempenho em que conseguimos ter um aumento de ativos. O patrimônio da Previ aumentou em mais de R$ 3 bilhões no último ano, superando a casa dos R$ 170 bilhões. A indústria não conseguiu a mesma performance e teve uma redução no valor dos ativos”, ressalta Dan Conrado.

Em entrevista, ao jornal Valor Econômico, um pouco antes de fazer a divulgação dos resultados, Conrado enfatizou que, apesar da Previ não ter cumprido a meta atuarial em 2013, a reserva deixa a Caixa de Previdência em uma situação tranquila. “Nossa situação é muito tranquila porque, trazendo todos os benefícios ao valor presente, temos mais de R$ 20 bilhões, além do necessário para pagar os benefícios. A reserva de contingência que chegou a R$ 24,76 bilhões é superávit. Nossa meta atuarial é inflação mais 5%, que deu 10,84% em 2013. Nos últimos dez anos, a expectativa de resultado, isto é, a meta atuarial acumulada foi de 199%. Conseguimos, em renda variável, resultado de 416 %. Na rentabilidade total do plano, fazendo um mix com renda fixa, imóveis e outras aplicações, tivemos 374. Esta é a razão de termos um bom colchão de liquidez”, finaliza o presidente da Previ.

Em março e abril a Diretoria Executiva da Previ pretende fazer a apresentação desses resultados em doze estados. Estão no roteiro as cidades do Rio de Janeiro, Brasília, São Paulo, Belo Horizonte, Curitiba, Porto Alegre, Florianópolis, Salvador, Recife, Fortaleza, Goiânia e Belém.

 

 

Fonte: Agência ANABB, com informações da Previ