× Modal
< Voltar


Assuntos diversos

Fraudes online crescem nesta época do ano

Com o aumento no volume de transações online, cresce também o número de fraudes e golpes


Em 04.12.2012 às 00:00 Compartilhe:


As festas de final de ano estão se aproximando e os shoppings e centros comerciais já começam a ficar cheios. Para quem prefere fugir do tumulto das ruas, uma opção é o comércio online. Segundo pesquisa realizada pela Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de São Paulo (Fecomercio-SP),  62,71% dos paulistanos têm o hábito de realizar compras pela internet. Um crescimento de 11,21 pontos porcentuais em relação ao ano de 2011. O estudo aponta a praticidade como o principal atrativo para a realização das compras pela internet. Além disso, o preço na internet costuma ser menor que o das lojas físicas.

No entanto, com o aumento no volume de transações online, cresce também o número de fraudes e golpes. Por isso, dicas de segurança sempre são úteis. A empresa McAfee, empresa especializada em tecnologia de segurança, divulgou algumas fraudes de Natal e Ano Novo em 2012. Confira e proteja-se na hora de fazer suas compras:

1) Falsas lojas virtuais - Sites de comércio eletrônico falsos tentam induzir o consumidor a fornecer o número do seu cartão de crédito e outros dados pessoais, frequentemente com promoções tentadoras. Por isso, é melhor realizar compras somente em sites de comércio eletrônico confiáveis.

2) Aplicativos móveis mal-intencionados - Conforme cresce a popularidade dos aplicativos, aumenta também a possibilidade de se fazer download de um aplicativo mal-intencionado e criado para roubar as informações pessoais ou enviar mensagens de texto com tarifas caras, sem o consentimento do consumidor. Um estudo recente revelou que 33%1 dos aplicativos pedem que os usuários indiquem mais informações do que o necessário. A recomendação é que se faça download de aplicativos somente de lojas oficiais e consulte análises de outros usuários, bem como as políticas de permissão dos aplicativos, antes de efetuar o download.

3) Falsa caridade - Durante o período de festas de final de ano muitas pessoas se sensibilizam e realizam doações. Por isso, é sempre mais seguro visitar o site de uma instituição de caridade legítima e pesquisar um pouco sobre a mesma antes de doar qualquer quantia.

4) Fraudes sobre viagem - Sempre pesquise o site de viagens antes de comprar algum pacote ou promoção.

5) Spam/phishing de festas - Nesse período de final de ano, o spam habitual passará a vir com temas de Natal e Ano Novo. Lembre-se de nunca responder a um e-mail de spam, nem clicar em links inseridos no e-mail.

Spam é o termo usado para referir-se aos e-mails não solicitados, que geralmente são enviados para um grande número de pessoas. E phishing, é uma forma de fraude eletrônica, caracterizada por tentativas de adquirir informações sigilosas.

6) Cartões de presente falsos - Cartões de presente são opções populares para se presentear alguém, e os cibercriminosos aproveitam-se disso oferecendo cartões de presente falsos on-line. O consumidor precisa estar atento ao comprar cartões de presente de terceiros. É melhor comprar de um revendedor oficial.

7) Fraudes de mídias sociais - Muitos de nós utilizam sites de mídias sociais para nos conectarmos com familiares e amigos e os cibercriminosos sabem que esses sites são bons lugares para pegar o usuário desprevenido porque estamos todos entre “amigos”. Por isso, cuidado com ofertas boas demais e sorteios falsos, pois muitos tentam fazer com que informações pessoais sejam reveladas.

Confira também o Jornal Ação deste mês, que traz uma matéria com dicas para se proteger dos e-mails falsos.

Fonte: Agência ANABB