× Modal
< Voltar


Cassi

BB assina adesão da Cassi à Resolução 254 da ANS

Anteriormente, os planos não eram obrigados a incorporar todos os procedimentos


Em 21.06.2012 às 00:00 Compartilhe:

 

Os representantes do Banco do Brasil aprovaram a adesão da Cassi à Resolução Normativa 254 (RN), da Agência Nacional de Saúde (ANS), na reunião de ontem (20/6) do Conselho Deliberativo da Caixa de Assistência, em Brasília.

 

A resolução, que passou a vigorar em agosto de 2011, dispõe sobre a adaptação e migração de contratos de planos de saúde celebrados até 1º de janeiro de 1999. Antes da RN 254, esses contratos não eram obrigados a incorporar todos os procedimentos determinados pela ANS, embora a Cassi já tenha um rol de procedimentos maior do que o exigido pela agência reguladora. Com a edição da resolução, os planos devem se adaptar por meio de um aditivo e ficam obrigados a cumprir todos os procedimentos médicos definidos pela ANS. Os planos que não se adaptarem poderão continuar a existir, mas ficam impedidos de aceitar novos associados a partir de 4 de agosto deste ano.

De acordo com a Diretora de Saúde e Rede de Atendimentos da Cassi, Graça Machado, esse é um processo que há 11 meses estava sendo discutido no Conselho Deliberativo da Cassi. “A Resolução 254 foi aprovada na Diretoria da Cassi em julho de 2011 com a presença de duas conselheiras da ANABB. Aguardávamos uma decisão judicial impetrada pela União Nacional das Instituições de Autogestão em Saúde. Os conselheiros eleitos da Cassi lutavam pela assinatura do acordo, com o apoio de outras entidades. A diretoria acabou entendendo que a Cassi deveria aderir a norma. A assinatura representa uma vitória de todos os usuários da Cassi e dos funcionários do BB”, ressalta Graça.

Para a Diretora de Planos de Saúde e Relacionamento com Clientes da Cassi, Mirian Fochi, a assinatura do acordo fortalece a Cassi. “Se o BB não assinasse a adesão da Cassi à RN 254, seria o mesmo que decretar o fim do Plano de Associados em poucos anos. Por isso, é um grande alívio o banco ter assinado o aditivo”, completou.

Fonte: Agência ANABB