× Modal
< Voltar


Assuntos diversos

Uma nova oportunidade

Uma nova oportunidade


Em 01.01.2015 às 00:00 Compartilhe:


Projeto Liberdade Responsável seleciona trabalhos de instituições voltados para a reinserção social de jovens e adultos em situação de risco

 

por Priscila Mendes

 

A situação no sistema prisional brasileiro é bem conhecida. Presídios e centros de medidas socioeducativas não costumam ser destaque na mídia por desenvolverem bons trabalhos. Pelo contrário, geralmente quando aparecem, é por causa de rebeliões ou por oferecerem condições precárias aos presos ou internos.

 

Para amenizar a carga de ser recebido pela sociedade como ex-presidiário ou ex-interno, e não encontrar muitas oportunidades, o Programa ANABB Cidadania tem colaborado com comitês que desenvolvem trabalhos voltados para a reinserção social de jovens e adultos que cumpriram penas ou medidas socioeducativas. Prova disso foi a criação do Projeto Liberdade Responsável, uma forma de incentivar organizações sociais a desenvolverem projetos direcionados a esse público.

 

As iniciativas foram motivadas pela doação do aposentado do Banco do Brasil Oswaldo Roberto Guilherme Gebler, que designou à ANABB a tarefa de desenvolver instrumentos que possibilitem aos ex-detentos um retorno mais digno ao convívio social.

 

A oportunidade de dar condições para que essas pessoas tenham a chance de mudar de vida é vista de forma positiva pelo presidente da ANABB, Valmir Camilo. “Perspectivas de viver de forma diferente, ou seja, de não cometer novamente infrações que os deixam à margem da sociedade, é um direito de todos. Se nós temos como viabilizar isso, torna-se quase um dever”, argumenta.

 

No dia 16 de maio, o Programa ANABB Cidadania divulgou o resultado dos projetos selecionados pelo “Liberdade Responsável”. Os contemplados receberão uma verba de até R$ 30.000,00 (trinta mil reais).

 

De acordo com a comissão julgadora, os projetos selecionados, além de atenderem aos requisitos do regulamento, terão uma grande importância no apoio aos excluídos. Participaram da comissão Ana Cláudia C. R. Silva, do Instituto Cooperforte; Sandra Fernandes, também do Instituto Cooperforte; Márcia Ferreira Soares, da DIRES do Banco do Brasil; e Rogério Miziara, da Fundação Banco do Brasil.



Contribua com essa idéia!

Participe dos projetos de cidadania da ANABB em parceria com os comitês de funcionários do Banco do Brasil. Para fazer sua doação, basta acessar o site www.anabb.org.br ou entrar em contato com a ANABB pelo telefone (61) 3442-9696.

Fonte: AÇÃO 200 - MAIO DE 2008