× Modal
< Voltar


ANABB

Doações feitas pela ANABB e IVC apoiam projetos sociais de colegas do BB

Com a ajuda dos Diretores Regionais, 32 projetos sociais receberam doações de 100 cestas básicas, cada um, o que equivale a 48 toneladas de alimentos distribuídos


Em 04.05.2020 às 20:29 Compartilhe:

Na terça-feira, 5 de maio, o mundo esteve unido em uma data simbólica e urgente: o Dia de Doar Agora. Esse é um movimento global que busca mostrar a importância das doações que estão sendo feitas por empresas, entidades e ONGs em apoio às comunidades carentes do Brasil, diante do grave cenário do covid-19.  A ANABB e o Instituto Viva Cidadania (IVC) estão juntos e têm envidado esforços para fazer a diferença na vida de milhares de pessoas que estão sem comida em meio a crise global.

Com a série Pessoas que Fazem a Diferença, 32 projetos sociais foram atendidos. A ANABB e o IVC doaram 100 cestas básicas para cada um dos projetos, o que equivale a 48 toneladas de alimentos distribuídos. Os dados são referentes às doações feitas entre 29/3 e 30/4. Os projetos sociais que receberam doações contam com a participação de colegas da ativa e aposentados do Banco do Brasil e representam belos exemplos de superação, engajamento e voluntariado.

Para chegar nas instituições que atuam em favor dos mais necessitados e que contem com a participação de colegas do BB, a ANABB e o IVC tiveram o apoio dos Diretores Regionais (Diregs), que identificaram entidades que realizam esse tipo de trabalho no âmbito de suas jurisdições. Até o fechamento desta matéria, já haviam sido atendidos 32 projetos sociais dos seguintes estados: Paraíba, Minas Gerais, Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Paraná, Rio Grande do Norte, São Paulo, Mato Grosso do Sul, Goiás, Distrito Federal, Pará, Bahia, Pernambuco, Amazonas.

Com esse trabalho, a ANABB e o IVC querem ser um elo de contribuição e de motivação entre os colegas do Banco e os projetos sociais por eles conduzidos. O objetivo é valorizar cidadãos que, mesmo vivendo uma situação difícil, como a do isolamento social, conseguem colocar em prática um dos sentimentos mais nobres: a solidariedade.

Para conhecer todos os projetos sociais contemplados pela série Pessoas que Fazem a Diferença, clique aqui. 

PESSOAS QUE FAZEM A DIFERENÇA
 

FOCO NA CIDADANIA

Contribuir para o combate à fome é uma missão que a família Banco do Brasil sabe executar com maestria. Em 1993, quando nasceu o movimento “Ação da Cidadania contra a Fome e a Miséria e pela Vida”, criado pelo sociólogo Herbert de Souza, lá estavam o BB e a ANABB. Na ocasião, a luta era em favor de 32 milhões de brasileiros que passavam fome na época. A campanha conquistou vários segmentos da sociedade civil, como empresas públicas e privadas, entidades de classe, associações, inclusive o Banco. Com a mobilização, a ANABB criou o programa “Brasil Sem Fome”, que ajudou os funcionários do BB a montarem comitês de cidadania em todo o país.

De lá para cá, a ANABB criou um braço permanente de atuação social. O Brasil sem Fome transformou-se no ANABB Cidadania, em 2007, e no Instituto VIVA CIDADANIA (IVC), em 2013.

Hoje, com a crise do coronavírus em todo o mundo, milhares de pessoas voltaram passar fome. Por isso, a ANABB e o IVC, novamente, se uniram para ajudar o próximo em uma corrente de solidariedade que é inerente à família Banco do Brasil.

Para acompanhar o trabalho de cidadania realizado pelo IVC, clique aqui.


ACOMPANHE O TRABALHO DO INSTITUTO VIVA CIDADANIA

 

Fonte: Agência ANABB