× Modal
< Voltar


Coronavírus

Solidariedade leva alimentos e banho à população de rua em Planaltina (DF)

Entidade sem fins lucrativos conta com o apoio da ANABB e IVC, mas precisa de doações para manter o trabalho de reinserção social


Em 27.04.2020 às 17:07 Compartilhe:

A Villa Samaritana é uma entidade sem fins lucrativos que trabalha junto à população de rua e comunidades em situação de vulnerabilidade social da região de Planaltina, no Distrito Federal. A atuação está centrada na prevenção e tratamento de dependentes químicos, com o oferecimento de alimentação e banho quente à população de rua e o atendimento em comunidade terapêutica.

Mas a entidade, que é mantida por meio de doações, também atua em colaboração com voluntários para oferecer atividades esportivas e culturais a crianças no contraturno escolar, em parceria com a Escola Classe do Córrego do Arrozal, e curso profissionalizante de costura com venda garantida da produção, em parceria com a Associação do Pólo de Confecções de Sobradinho, além de atendimento médico às comunidades do Córrego do Arrozal e Renascer.

Com a crise gerada pela pandemia do novo coronavírus, entretanto, as doações e, consequentemente, os recursos disponíveis sofreram redução. Assim, a entidade convive com a falta de alimentos e itens de higiene e de limpeza para repasse às comunidades atendidas. O Instituto Viva Cidadania (IVC), braço social da ANABB, está fornecendo apoio financeiro para a compra emergencial de cestas básicas e a manutenção do trabalho desenvolvido.

Você também pode fazer sua doação para:

Entidade: Villa Samaritana
CNPJ: 31.227.931/0001-50
Banco: 001 – Banco do Brasil
Agência: 1226-2
Conta: 77261-5

BANHO SOLIDÁRIO

O IVC também apoia o Projeto Banho Solidário, da Villa Samaritana, que oferece banho quente às pessoas que vivem nas ruas, kits com escova e pasta de dentes, sabonete e shampoo, toalhas descartáveis e roupa limpa. O banho ocorre em uma carretinha com instalações hidráulicas, que percorre uma região do Distrito Federal a cada semana. A população é avisada da ação antecipadamente, para que possa se preparar.

Caso demonstre interesse em deixar a situação de rua, a pessoa é encaminhada para o Centro de Recuperação da Villa Samaritana, no Córrego do Arrozal. Nas ações, são fornecidos lanches e, quando há a presença de voluntários, também cortes de cabelo e de barba. “Nós buscamos a reintegração social destas pessoas de maneira digna, falando de Jesus e cooperando para que encontrem novas oportunidades de trabalho ou retornem para seus lares”, conta o pastor Gustavo Martins Simão, presidente da Villa Samaritana.

Fonte: Agência ANABB