× Modal
X

Quando foi fundada em 20 de fevereiro de 1986, a gestão executiva da ANABB ficava nas mãos do presidente e do vice-presidente, ambos cedidos pelo Banco do Brasil. Na época, também faziam parte da Diretoria, o diretor Financeiro e o diretor de Relações Sócio Funcionais.

Mar./1993 a Dez./1995

Em dezembro de 1992, novas alterações no Estatuto Social da ANABB. No novo documento, o Conselho de Administração passou a se chamar Diretoria Executiva que era composta pelo Presidente, Diretor Administrativo e Financeiro, Diretor de Comunicação e Desenvolvimento, Diretor de Relações Funcionais, Aposentadoria e Previdência, e Diretor de Relações Externas e Parlamentares. Em fevereiro de 1993 foram realizadas eleições para o Conselho Deliberativo e Conselho Fiscal, para a gestão março de 1993 a dezembro de 1995. As eleições para as Diretorias Estaduais foram realizadas somente em novembro de 1993.

Diretoria Executiva

Presidente: Artur Emílio Prellvitz (Mar./1993 a Jan./1994)
Presidente: Emílio Santiago Ribas Rodrigues (Jan./1994 a Dez./1995)
Diretor de Administração e Finanças: Douglas José Scortegagna
Diretor de Comunicação e Desenvolvimento: Constâncio Pinheiro da Fonseca
Diretor de Relações Funcionais, Aposentadoria e Previdência: Valmir Marques Camilo
Diretor de Assuntos Externos e Parlamentares: Emílio Santiago Ribas Rodrigues (Mar./1993 a Jan./1994)
Diretor de Relações Externas e Parlamentares: Ítalo José Vitorino Junior (Jan/1994 a Dez./1995)


Conselho Deliberativo

Presidente: José Branisso
Secretária: Silvânia Oliveira Rocha Ferreira
Abgail Lourdes Bastos Barbosa
Alexandre César Costa Teixeira
Anita Silva de Carvalho
Antilhon Saraiva dos Santos
Antonio Gonçalves de Oliveira
Artur Emílio Prellvitz (Jan/1994 a Dez./1995)
Camillo Calazans de Magalhães
Carlos Luiz Teixeira Ribeiro
Cláudio Salgueiro Garcia Munhoz
Francisco Parra Valderrama Júnior
Hélio Carneiro Moreira
Isnard Kisner Kosby
Ítalo José Vitorino Júnior (Mar./1993 a Jan./1994)
João Alfredo Leite Miranda
João Botelho
Macilene Rodrigues de Oliveira
Mércia Maria Nascimento Pimentel
Oscar César Brandão
Rebeni Couri Nogara
Wesley Hjalmar Lidquist

Conselho Fiscal

Presidente: Carlos Rosalvo de Oliveira Serrano
Cláudio José Zucco
Lúcio Flávio Viana Lima


Diretorias Estaduais (Dez/1993 a Dez/1995)

Acre: Raimundo Nonato de Lima
Alagoas: Valci Pinto de Gusmão
Amazonas: Marconi de Albuquerque Urquiza
Amapá: Augusto Bruno de M. Favacho
Bahia: Lenilde Silva Oliveira
Ceará: Aureliano Ramos Filho
Distrito Federal: Dalton Bittencourt Ferreira
Espírito Santo: Heli Fonseca
Goiás: Raimundo Coelho de Souza Filho
Maranhão: José Humberto Ericeira
Minas Gerais: Isa Musa de Noronha
Mato Grosso: Augusto Mário da Silva
Mato Grosso do Sul: Antônio João Mendes Ribeiro
Pará: Nelson Francisco Marzulo Maia
Paraíba: Izaias Luiz da Silva
Pernambuco: Maria Milani de Mendes
Piauí: Edilberto Santana Noleto
Paraná: José Moraes Azzi
Rio de Janeiro: Carlos Alberto F. Lamarão
Rio Grande do Norte: Damião Casado de Resende
Rio Grande do Sul: Osvaldo Petersen Filho
Santa Catarina: Rosa Helena Magnago B. Rarin
Sergipe: José Djalma Dantas
São Paulo: Silas Franco de Toledo
Tocantins: Joaquim César Shaidt Knewitz